ACIL deu início ao Outubro Rosa em Limeira com evento especial

A programação contou com palestra sobre o câncer de mama, apresentação do Coral da ALICC e delicioso coquetel

A ACIL através do seu Conselho da Mulher Empreendedora (CME), realizou na noite desta segunda-feira, 30 de setembro, a abertura do Outubro Rosa. O evento promoveu a arrecadação de 81 pacotes de fraldas adultas, revertidas para a Associação Limeirense de Cuidado e Carinho (ALICC), e contou com a participação de convidados e visitantes, além de diversas autoridades e influencers de Limeira.

A programação teve início no auditório da ACIL, onde os participantes foram recebidos pela equipe da ALICC e também pelo grupo Comprimidos da Alegria, que acolheu a todos com cantigas e brincadeiras de boas-vindas.

Entre os convidados, estiveram presentes o presidente da ACIL, José Mário Bozza Gazzetta, o diretor Francisco Gachet, o vice-prefeito Dr. Júlio Pereira dos Santos, os secretários municipais, José França Almirall (também vice-presidente da ACIL), Vitor Santos e Antonio Peres, e integrantes da diretoria da ALICC.

Dando início ao evento, a superintendente do CME, Rosilene Luck agradeceu a presença de todos, em especial a parceria com a ALICC. “É com muito amor que há alguns anos realizamos o Outubro Rosa, que é uma campanha mundial, e que além da conscientização do diagnóstico precoce do câncer de mama, ainda beneficia os mais necessitados através do respeitável e admirável trabalho da ALICC em nossa cidade”, enalteceu a superintendente.

Na sequência, os convidados acompanharam a palestra “Mitos e verdades sobre o câncer de mama”, ministrada pela médica Mayka Volpato dos Santos Vello, especialista em Ginecologia e Obstetrícia e também em Mastologia, e parceira da equipe de Mastologia e Oncologia do Hospital da Beneficência Portuguesa de São Paulo.

Em sua apresentação, Mayka apontou que saúde é ter um estado físico e mental completos, além de salientar que o câncer até hoje está envolto de estigmas e preconceitos. “Há 20 anos o cenário era outro, sem as tecnologias atuais. O nosso avanço permite um tratamento muito mais humanizado e precoce”, explica a médica.

Segundo ela, por ano, são registrados 60 mil novos casos de câncer de mama no Brasil, porém deste número apenas 5 a 10% são hereditários. “O câncer não é uma doença única. Ele possui comportamentos e tratamentos diferentes, e o diagnóstico precoce é essencial para apontar o melhor tratamento”, ressalta a mastologista.

Outro ponto abordado pela especialista, destacou a importância da mulher conhecer o seu próprio corpo para assim conseguir identificar pequenas mudanças, através do autoexame. “Muitas mulheres sofrem de mastalgia, principalmente no período menstrual, e apenas até 2% dos casos são câncer. Por isso, se a mulher conhecer seu próprio corpo, a diferenciação de algo comum para incomum é mais fácil”, conta Mayka. Com o fim da palestra, os participantes apreciaram uma belíssima apresentação do coral da ALICC e puderam desfrutar de um delicioso coquetel.

O Outubro Rosa só foi possível graças à ajuda de parceiros e patrocinadores, os quais o CME possui profunda gratidão. Foram eles: A Diarista, FinCred, Aprenda Conosco, Blue Pine, Brink Bem Escola Infantil, Cia do Bikini,  Compart Kids, Drogalim, Mattiazzo Investimentos Imobiliários, Rosi Brinquedos, Sucesso Semi Joias, Adriano Bebidas, Giovana Kühl – Assessoria, Julia Cavinato – Designer de Festas, Padaria Paulista e Silva’s Festas.